7.4
Bom
Cinema / TV Destaques

Análise a “Operação Overlord”

Operação Overlord” eleva as horríveis experiências feitas durante o Holocausto a novas proporções , utiliza no cenário do desembarque na Normandia e tornando-o num massacre com zombies Nazis. Julius Avery alia-se a um elenco jovem para criar um filme que à partida pode parecer apenas para fãs de horror, mas que facilmente atinge um público mais vasto.

O elenco jovem apresenta clara quimica e talento, apesar de não existir grande profundidade nas personagens e os protagonistas não fugirem ao cliché de filmes de guerra, onde encontramos o soldado Boyce (Jovan Adepo), militar apenas há 3 meses, é inocente e puro; Ford (Wyatt Russell) encarnando o clássico badass que fará tudo para assegurar o sucesso da missão.

Acompanhamos o soldado Boyce, na sua primeira missão onde é encarregue de destruir uma antena que os Alemães tinham instalado no topo de uma igreja, com o intuito de impossibilitar o suporte aéreo para o Dia D. O filme começa na noite antes do acontecimento histórico, no avião, onde a camera foca os jovens paraquedistas claramente nervosos enquanto sobrevoam território inimigo. Até que o avião é destruido por fogo cerrado antes que alguém consiga saltar de paraquedas. Quando finalmente atingem o chão a maioria dos militares já tinham morrido, os sobreviventes seguem para a vila onde são acolhidos por Chloe (Mathilde Ollivier), uma rebelde francesa que é forçada a envolver-se sexualmente com um oficial Nazi para manter a sua casa.

Quando finalmente os protagonistas chegam à igreja descobrem que a sua missão não seria tão simples como esperavam, ao descobrir que os Nazis desenvolveram um quimico capaz de reanimar cadaveres e coloca-los a lutar sob seu controlo.

“Operação Overlord” consegue criar uma mistura de “Saving Private Ryan” e “28 Days Later” e ter sucesso ao fazê-lo, inicialmente, até nos esquecemos que estamos prester a assistir uma carnificina Zombie. O filme é repleto de cenas violentas e extremamente gory, com o tipico jump scare ao qual tão bem estamos habituados, conseguindo mesmo assim proporcionar algumas gargalhadas, algumas mais propositadas que outras.

É um filme que merece ser visto, com o espirito adequado, pois é algo que se deve saber para o que se vai.

Rating:7.4

7.4
Bom

Operação Overlord

CoD Zombies sem as câimbras nos polegares.

Pros

  • Quimica entre actores
  • Gory
  • Divertido
  • Zombies Nazis

Cons

  • Clichés
  • Profundidade das personagens
Writer, Gamer, Musician, Food lover
Scroll to top