Videojogos

Teste a ‘Vostok Inc.’

Vostok Inc. chegou à PS4, PS Vita, Xbox One, PC e Switch pelas mãos da Wired Productions no passado dia 7 de Dezembro, mas só agora tivemos a possibilidade de o testar na versão da consola da Nintendo. Antes de passar ao teste em sim, convém adiantar que não teremos, nesta análise, os nossos habituais vídeos de gameplay, isto porque a consola da Nintendo, ao contrário da PS4 ou da Xbox One, apenas permite a captura de vídeo em alguns jogos, desde a atualização de firmware 4.0.0, e mesmo nesses apenas permite capturar fragmentos de 30 segundos, isto sem recorrer a uma placa de captura de vídeo externa. Esta limitação é da consola em si, e não do jogo em análise, mas pareceu-nos importante salientar este facto.

Passando à análise de Vostok Inc., estamos perante um título muito interessante ao nível do seu conceito, pois mistura dois géneros absolutamente díspares: a estratégia, mas estratégia do tipo mais parado possível, ao estilo dos velhinhos jogos de browser nos quais apenas construímos estruturas e esperamos de forma completamente passiva que estas façam efeito, ou de jogos como Clicker Heroes ou Adventure Capitalist, também disponíveis gratuitamente para as várias plataformas; e os shooters de naves, mas shooters do tipo mais frenético possível, roçando os Bullet Hell orientais como Crimson Clover World Ignition, em que a quantidade de projécteis no ecrã quase não nos permite ver a nossa própria nave.

Qual é o objetivo do jogo? Obviamente, fazer dinheiro. Seja pela construção de estruturas num ou vários dos seis sistemas solares que podemos explorar, seja pelos upgrades que lhes podemos fazer,  seja pela via das armas contra os alienígenas, o lucro é o nosso único objetivo. Rapidamente começaremos a ver números cada vez maiores na nossa conta bancária, que usaremos para comprar novas estruturas, que por sua vez gerarão mais lucro, e assim sucessivamente. Na componente de ação, temos uma série de upgrades para fazer na nossa nave, especialmente no que concerne às armas, que vão desde pequenos projéteis a um enorme sabre de luz ou uma arma que dispara… unicórnios.

Tecnicamente, não podemos dizer que Vostok Inc. seja uma obra-prima ao nível de gráficos ou som, mas também não é esse o seu objetivo. No entanto, o grafismo é colorido, os desenhos quer das estruturas que construímos quer das naves são agradáveis e colorido. A música é pouco variada e repetitiva, mas também não incomoda. Os controlos da nave podem parecer estranhos logo a princípio, mas facilmente nos habituamos a eles. A longevidade de Vostok Inc. é boa, mas começa a fartar quando estamos ainda longe do final da jornada, pois o entusiasmo que sentimos por fazer mais um upgrade e aumentar a nossa conta bancária torna-se um pouco a sensação de estar a repetir tudo uma e outra e outra vez. Até os minijogos que foram brilhantemente incluídos na aventura (imaginem-se a jogar a uma espécie de Doom no ecrã de um… Tamagotchi) se tornam um fardo por serem quase obrigatórios para progredir.

Só tivemos mesmo foi pena de não poder capturar vídeos neste jogo. No entanto, se têm alguma das plataformas para que está disponível, Vostok Inc. é uma boa aposta, quer para os adeptos da estratégia mais calma, quer para os viciados dos shooters frenéticos.

Pedro Moreira é Reviewer no 8.5Bits | twitter @morenho27 | pedromoreira@8dot5bits.com

Jogador desde os tempos do Spectrum, aficionado a jogos de Luta, Condução e RPG. Estudou Línguas e Literaturas na Universidade Nova de Lisboa, e Línguas, Literaturas e Culturas na Universidade de Évora. É Professor de Português e Espanhol, e nos (poucos) tempos livres consegue, por vezes, ligar o PC.

Deixe uma resposta

Scroll to top