Five Feet Apart – “Um Amor á distância”

Um filme um pouco ao estilo de The Fault in Our Stars, no entanto muito mais dramático e com uma aura muito mais positiva.

Assim como o título diz e assim como nos é apresentado o filme, percebemos que não é apenas um filme sobre as batalhas diárias que estas personagens têm que travar contra a doença…a grande batalha que têm que travar é a distância que têm que manter uns dos outros para evitar o contágio da doença que pode levar à morte.
O problema é: conseguimos manter a distância da pessoa que amamos?

Com uma abordagem mais moderna de lidar com os problemas…Stella fala sobre o seu problema através de vídeos, numa tentativa talvez de se tornar mais fácil de suportar o problema sempre com uma abordagem positiva.
Tudo estava a correr como Stella tinha planeado…até aparecer Will.
Durante o decorrer do filme vamos percebendo que não é só a saúde física das personagens que está débil, mas também a sua saúde psicológica…cada um à sua maneira, com os seus traumas, inseguranças, complexos e medos.

No que toca ao lado visual do filme os espectadores vão encontrar um cuidado com a imagem equiparável aos filmes de festivais, o tratamento da luz é realmente algo importante neste filme para não o tornar ainda mais pesado. A música também adequada ao tipo de filme, leve com um toque indie/pop acompanhada com um score clássico um tanto ao quanto minimalista.
Narrativamente o filme está feito da maneira clássica, sem saltos no tempo ou narrativas “cruzadas”, temos também o uso de outros métodos de filmagem (Stella filma e podemos ver essas filmagens em tempo real)…isto ajuda um pouco a tornar a experiencia fílmica um tanto ao quanto documental…ou pelo menos não tão ficcional…ajuda-nos a identificarmo-nos mais com a personagem e a sair um pouco da “rotina fílmica”.

Nada neste filme nos mostra que vai ser “apenas mais um” no que toca a filmes sobre estes temas. Faz-nos pensar no tempo que temos neste mundo e com quem queremos passá-lo.
Indicado para audiências acima dos 12 anos, no entanto devido aos temas complexos, talvez seja mais adequado para audiências acima dos 15 anos. O filme é um romance com muito drama à mistura…escusado será dizer que fará o espectador chorar, no entanto prometo que também fará rir e irá de certeza derreter o coração de muitos.